Turquia: Presidente do clube proibe jogadores com barba

30

Presidente do Gençlerbirligi diz que os jogadores não são alunos de uma escola islâmica e aplica-lhes multa de 9 mil euros cada vez que apareçam sem a barba desfeita.

Ilan Cavcav, um senhor octagenário que preside ao Gençlaerbirligi, clube de futebol profissional de Ancara e que ocupa o nono lugar na Liga da Turquia, proibiu os seus jogadores de se apresentarem com barba no terreno de jogo sob pena de ficarem sujeitos a uma multa de 9 mil euros. É que não quer olhar para eles como se fossem alunos de uma escola islâmica…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here